DÚVIDAS FREQUENTES


1. O QUE É CT-E?
É o Conhecimento de Transporte Eletrônico, que tem como objetivo documentar e armazenar eletronicamente a prestação de serviço do transporte de cargas. Trata-se de um documento apenas digital. O documento físico é o DACTE, que é uma representação simplificada do CT-e e deve acompanhar a mercadoria em trânsito para fornecer as informações básica da operação em curso.

2. QUAIS INFORMAÇÕES SÃO NECESSÁRIAS PARA CÁLCULO DO FRETE?
Para calcular o frete da mercadoria é necessário ter as seguintes informações: peso real, metragem cúbica, valor da nota fiscal, local de origem e local de destino. O frete será calculado com base nessas informações, considerando o maior peso (real e cubado). O valor final do frete será de acordo com a tabela negociada. Caso não possua tabela, segue-se o padrão da NTC. Consulte a Central de Relacionamento da Translovato para verificar a negociação comercial vigente.

3. O QUE SÃO AS TAXAS COBRADAS NO FRETE?
Frete Peso – Valor cobrado devido ao peso ou espaço físico proporcional (m³).
Frete Valor (ADV) - Valor (%) cobrado sobre o valor da mercadoria transportada.
GRIS - Taxa de gerenciamento de risco (seguro).
Despacho - Taxa por conhecimento emitido.
TAS - Taxa de administração da secretaria da fazenda.
TRT - Taxa de restrição de trânsito.
TDE - Taxa de difícil entrega.
Pedágio - Valor cobrado de acordo com o peso transportado ou fixo por conhecimento.

4. COMO FAÇO UMA COTAÇÃO DE FRETE?
Atualmente, somente é disponibilizado pela empresa opção de cotar o frete via telefone ou e-mail. Para isso, entre em contato com a Central de Relacionamento informando os dados necessários para cotação. Veja no link a seguir: http://www.translovato.com.br/site_padrao/cotacao_de_frete


5. O QUE SÃO SERVIÇOS ADICIONAIS?
Atividades extras que não são atribuições do serviço de transporte, mas que são solicitadas pelos clientes ou oferecidas pelas transportadoras como complemento. Os serviços adicionais oferecidos pela Translovato são: agendamento, armazenagem, paletização, estadia, coleta especial, diária e reentrega.

6. O QUE É E COMO SE CALCULA A CUBAGEM DA MERCADORIA?
Cubagem é a relação entre o peso e o volume da carga a ser transportada. Para calcular a cubagem, é utilizada a fórmula: altura x largura x profundidade x fator de cubagem. No caso do transporte rodoviário, o fator de cubagem padrão corresponde a 300.
Disponibilizamos um formulário para o cálculo de cubagem na página de Fale Conosco do site, abaixo do formulário de contato, no final da página. Acesse a opção "Fale Conosco" na página inicial do site ou no menu Contato > Fale Conosco.

7. COMO FAÇO PARA OBTER UM LOGIN E SENHA DE ACESSO A ÁREA RESTRITA DO CLIENTE?
Para obter acesso à área restrita (Portal do Cliente), é necessário fazer um cadastro. Entre em contato com a nossa Central de Relacionamento mais próxima de você. O e-mail de contato está disponível no link:
http://www.translovato.com.br/site_padrao/central_de_relacionamento

8. ONDE POSSO VERIFICAR O PRAZO DE ENTREGA?
Para verificar o prazo de entrega da Translovato, é necessário ter cadastro na empresa e solicitar o usuário e senha do Portal do Cliente para a Central de Relacionamento que lhe atende. No Portal é possível verificar o prazo de entrega para a região de seu interesse. Veja informações sobre o Portal na dúvida 7 (acima).

9. COMO POSSO SOLICITAR UMA COLETA DE MERCADORIA?
É possível solicitar coleta contatando via telefone o setor de Coletas da unidade Translovato que lhe atende ou via Portal do Cliente, se tiver um usuário e senha para acessar. Veja informações sobre o Portal na dúvida 7.

10. QUANDO E COMO RECEBO O BOLETO PARA PAGAMENTO DA FATURA?
O padrão da Translovato é faturamento semanal com prazo de pagamento para 15 dias. A fatura é enviada via e-mail, conforme informado no cadastro do cliente.

11. QUAIS OS PERFIS DE CARGAS (TIPOS) QUE A TRANSLOVATO TRANSPORTA?
Veja no link abaixo os segmentos que a Translovato atende:
http://www.translovato.com.br/site_padrao/segmentos_de_atuacao

12. QUAL É A DIFERENÇA DA CARGA COMPLETA E CARGA FRACIONADA?
Carga fracionada é aquela que ocupa uma pequena uma parcela do total que cabe em uma carreta. Carga completa é aquela que ocupa todo espaço de uma carreta ou uma parte considerável.

13. QUAIS OS TIPOS DE VEÍCULOS QUE A TRANSLOVATO UTILIZA?
Conheça no link abaixo os veículos que a Translovato possui em sua frota:
http://www.translovato.com.br/site_padrao/frota

14. PARA QUAIS REGIÕES POSSO ENVIAR A MERCADORIA PELA TRANSLOVATO?
Veja no link abaixo as regiões atendidas pela Translovato e consulte os dados de endereço, telefone e e-mail das unidades:
http://www.translovato.com.br/site_padrao/area_de_atuacao

15. A TRANSLOVATO ENTREGA EM PESSOA FÍSICA?
Sim, é possível fazer ENTREGA para PESSOA FÍSICA, conforme demanda do cliente Translovato. Já embarques são somente realizados para empresas com CNPJ.

16. QUAL É O HORÁRIO DE ATENDIMENTO PARA ENTREGA DA MINHA MERCADORIA?
Horário comercial, de segunda a sexta-feira.

17. É POSSÍVEL ENTREGAR A MERCADORIA EM LOCAL DIFERENTE DO QUE CONSTA NA NF?
Conforme a legislação, somente é possível entregar em local diferente do constante na NF se o local de entrega for: canteiro de obras, armazém geral, filial do destinatário ou se o destinatário e o local de entrega forem, os dois, não contribuintes.

18. COMO DEVE SER EMBALADA A MERCADORIA PARA SER COLETADA PELA TRANSLOVATO?
O volume a ser transportado deve estar embalado em um material resistente, a caixa deve ter o tamanho adequado e compatível ao peso e características do produto. Para produtos frágeis, deve ter proteção interna como: espumas, divisórias internas e materiais específicos.

19. É POSSÍVEL RETIRAR A MERCADORIA NO DEPÓSITO DA TRANSLOVATO?
Sim. Para isso, é necessário ter e-mail do cliente pagador do frete autorizando a retirada da mercadoria no terminal da empresa. Neste e-mail, precisam estar informados os dados da pessoa que irá retirar a mercadoria e a placa do veículo.

20. NOTAS FISCAIS RASURADAS TEM VALIDADE? O QUE FAZER PARA CORRIGIR A DANFE?
NF rasurada não tem validade. Para corrigir a informação que consta na DANFE é preciso fazer uma carta de correção. Somente é possível corrigir os seguintes campos: natureza da operação (CFOP), códigos fiscais ou código de tributação, dados da transportadora, endereço ou razão social do destinatário, inserção de dados adicionais e dados do produto. Importante: nenhuma dessas alterações permitidas podem alterar o valor dos impostos.

21. QUAIS INFORMAÇÕES SÃO IMPRESCINDÍVEIS TER NA NF PARA TRANSPORTE DA MERCADORIA?
Além dos dados básicos: remetente, destinatário, dados da mercadoria (peso, quantidade, valor), local de coleta e entrega, é necessário ter o transportador.

22. PARA QUAL ENDEREÇO ENVIO O ARQUIVO XML DA NF E POR QUE DEVO ENVIAR?
É necessário contatar o setor comercial da unidade que atende a sua região. Posteriormente, esse contato será direcionado à TI da Translovato para realização do cadastro e envio do XML pelo e-mail edi.notfis@translovato.com.br